26/8/2015 - Fespesp
Por Sylvio Micelli

CCM Iamspe realizará ato no dia 27 em defesa do HSPE

Divulgação
Matéria do jornal Diário de São Paulo sobre a reforma do HSPE

Conforme deliberação da Plenária de Entidades que forma a Comissão Consultiva Mista do Iamspe (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual), a CCM Iamspe realizará um ato público na próxima quinta-feira, dia 27 de agosto, a partir das 11 horas, em defesa do Hospital do Servidor Público Estadual - Francisco Morato de Oliveira.

Segundo Sylvio Micelli, presidente estadual da CCM Iamspe, o evento tem como intuito "discutir problemas de atendimento que vem sendo objeto de reclamação de diversas entidades do funcionalismo". A sugestão foi feita pelo representante de Peruíbe, Cláudio Yamawaki e acolhida pela Plenária na reunião passada.

Micelli destaca que os maiores problemas verificados hoje no HSPE estão relacionadas à elevada demanda de atendimento. "O governo precisa investir para ampliar o atendimento, seja no pronto socorro, seja nos ambulatórios, seja na internação. A procura pelo atendimento tem aumentado muito, à medida que os planos de saúde vão encarecendo", alertou.

O presidente da CCM Iamspe também cita a necessidade da conclusão da primeira fase da reforma do HSPE. "Infelizmente, o governo não repassou recursos ao Iamspe para finalizar as obras que, segundo a administração estão 80% prontas. Era para ter encerrado no passado e já estamos caminhando para o fim de 2015. Isso significa que temos muitos leitos fechados, o que dificulta, ainda mais, a procura por atendimento".

Podem participar do ato, que é público, entidades do funcionalismo e usuários do HSPE.

O que: Ato Público em Defesa do HSPE-FMO

Quando: quinta, 27 de agosto, 11 horas

Onde: HSPE - Prédio dos Ambulatórios, Rua Borges Lagoa

Por que: alertar para a necessidade de mais investimentos por parte do Governo do Estado

Realização: Comissão Consultiva Mista do Iamspe e suas entidades participantes




Notícias mais visitadas nos últimos 30 dias

1 - Mobilização pela aprovação do PDL 22 continua
2 - Golpe na Alesp! Veja os deputados que votaram contra o andamento do PDL 22
3 - Cidade de São Paulo estima vacinar 600 mil pessoas por dia
4 - Live | o Brasil não está quebrado
5 - Twittaço contra o retorno presencial às aulas sem vacina
6 - MANIFESTO PELA VACINAÇÃO DE TODAS AS PESSOAS
7 - Panelaço #BrasilSufocado

.... mais notícias